Daily Calendar

Marcadores

Lijit Search

Lijit Search

sábado, fevereiro 06, 2010

Cupido


Nos delicados ouvidos de Maria, Lucas

Cante uma canção de fina melodia,

Refíra-se ao impolito despertar da aurora

E presencie, maravilhado

A fortaleza que te é apresentada

Não fique a orlar teu amor, pesaroso

Degustando o medo que te assola

Lucas, Lucas, estás ávido a rolar no leito solitário

Busque a moça que chora,

Debruçada sob a relva, a pensar em ti

Mal sabes da candura...


Desejos secretos no coração da donzela

Não faça indiferença à nudez de Maria

Oh!Não permita que o inseto desfrute, cavalheiro

Da limpidez do corpo virgem da senhorita

Naufrague em águas do amor

Nas orlas plácidas, deleite-se

Na loucura ajuizada de sua farta videira

Lucas, Lucas, não atire Maria às feras

Tão frágil criatura, morreria sedenta de ti

Nos braços famintos do possuidor.

Lucas, Lucas...


Um comentário:

  1. Saudade de me apaixonar, sentir aquele friozinho na barriga, pernas trêmulas, nó na garganta..., porque tudo se torna delicioso, mágico e a entrega é total, absoluta.

    ResponderExcluir

As palavras são mágicas,
Com elas, o pranto
Um sorriso de imensa alegria,
Ou mesmo a totaL DESAPROVAÇÃO